Câmara de Vereadores de Teutônia

Pronunciamentos

2016-11-10

Vereador Claudiomir de Souza: saudou a Mesa Diretora, a Presidente Mareli, o público presente, o Vice-prefeito Evandro Biondo, cumprimentou os Vereadores eleitos. É importante o interesse dos novos Vereadores já participando das sessões, pegando o embalo; como andam as coisas nesta Casa e como vai estar na próxima; disse que os admira, estão valorizando realmente o voto que foi dado a cada um. Paniz, a Keetlen, o Juliano, o suplente de Vereador Fernando Fernandes, também o prefeito eleito Jonatan Brönstrup, o Vice-prefeito eleito Valdir; também a presidente do Sindicato Rural Liane Brackmann; em nome do Gilmar e do João, do Nilmar; cumprimentou a todos os desportistas que estão fazendo um belo trabalho, as crianças e jovens, pré-adolescentes, admira muito este trabalho. É de extrema importância o trabalho de vocês, e muitas vezes não se é tão valorizado quanto se deveria, por se ver como é trabalhado. Disse que têm familiares seus que estão com eles. E vê quanto isso é importante para questão da sala de aula. Então com a família, com a sociedade, eles se tornam responsáveis, respeitam as autoridades, os seus pais, respeitam a família, os professores e por quê? Porque eles têm uma paixão de jogar futebol. E para jogar futebol eles têm que se adequar a algumas normas, então isso é um trabalho extremamente importante que precisa ser valorizado também. Presente hoje, os representantes dos alcoólicos anônimos, os empresários, todos que de uma ou outra forma estão presentes. E falou da viagem que estiveram em Brasília. E antes de ir a Brasília esteve em uma audiência, Liane Brackmann com o Deputado Elton Weber, em Porto Alegre, onde encaminhou também, que é do PSD, ao Deputado Federal Heitor Schuch. Onde estão se mobilizando com a questão do leite, em Brasília, então pelo diagnóstico, já foi estancado a parte da importação, deste leite que vinha do Uruguai, que era processado aqui, e que depois ia para o nordeste; se não lhe falha a memória foi isso que ele falou. Eles estão empenhados nesta questão também. E uma das suas missões como representante da comunidade de Teutônia, do setor de suínos, da questão do leite. O quanto é importante este setor, que mantém a base da economia deste município, que hoje também é líder no ranking de arrecadação no Vale do Taquari.  E disse que tem boas notícias de Brasília, inclusive em mãos; esteve no Ministério da Agricultura, e onde lhe foi passado o valor de duzentos e quarenta e três mil; agora, neste mês, para aquisição de uma patrulha agrícola, que tanto lutaram por isso, e segundo as informações que obteve do Ministério, são de duzentos e quarenta e três mil e alguma coisa para aquisição de uma patrulha agrícola. Isto é de extrema importância para o município. E que possa ser realmente destinado a cooperação de Teutônia, como já foi destinado caminhão, e hoje faz parte também do Sindicato, que hoje administra esta questão. Então é muito importante esta viagem que fizeram e tiveram êxito. O colega Vereador Valdir foi junto e o Vereador Hélio Brandão. Tiveram uma audiência também, com o Ministro do Trabalho; o Deputado Federal Ronaldo Nogueira os recebeu em seu gabinete, então foi muito importante a ida à Brasília; agora é um momento importante também, ao qual falei com o Senador Paulo Paim, que já está liberando no ano que vem duzentos e cinquenta mil reais para a saúde, então se comprometeu em nos ajudar nesse momento difícil. Então eu vejo assim o quanto é importante, então muitas vezes, se  fizer os cálculos de quanto custa uma ida à Brasília, um Vereador só com esses recursos destinados pela persistência. São os representantes da população. Então muitas vezes as pessoas os questionam o que foram fazer, porque não podem fazer uma ligação. São os representantes, tem que irem onde estão os recursos. E pleitear ISS; acredita que nessa ida a Brasília, com certeza, só nessa viagem, já pagaram os custos por quatro anos; dos salários, daquilo que recebem do município. Por que tem que ir atrás. E aconselha a todos os Vereadores, a tirar um tempo, ao menos uma vez por ano, ir a Brasília e pleitear junto aos seus deputados, recursos para os municípios. E então agradeceu a Vereadora Mareli, por este espaço. Agradeceu pela oportunidade e uma boa noite a todos e que Deus os abençoe.

Vereador Pedro Hartmann:
boa noite a todos. Inicialmente saudou a presidente Mareli, a Mesa Diretora, colegas Vereadores, servidores da Casa, a assessoria jurídica, a imprensa escrita e falada, o Vice-prefeito Evandro, da mesma forma o Prefeito eleito Jô, vereadores eleitos que estarão juntos nesta Casa. Cumprimentou a Presidente do Sindicato, sabe que neste momento eles têm uma bandeira muito grande de luta, que é em defesa dos produtores rurais; Gilmar, João que representam a Juventus. Hoje tem o Projeto da ASTF; Projeto de extrema importância; esses projetos esportivos que integram as pessoas na sociedade e que mantém estas crianças ocupadas. Também fez uma saudação, ao Hilário Gaúcho, hoje representando o A.A. durante muitos anos vem acompanhando, o outro companheiro que está aqui também, mas que todos se sintam cumprimentados. Disse que todos sabem do trabalho que vocês estão fazendo e quantas pessoas vocês estão recuperando e reintegrando na sociedade. Sempre se colocando à disposição, e fazendo também além da recuperação, o atendimento das comunidades. Então mérito para vocês. Disse que é um defensor do trabalho comunitário, e sabe que eles fazem isto com muito amor e com muita dedicação. Como já estava falando, hoje entra o Projeto da Juventus, Projeto de dezessete mil reais, que vai ser de duas parcelas de oito mil e quinhentos. Da mesma forma o Projeto da ASTF, do mesmo valor, tem o Projeto do Centro Cultural Vinte e Cinco de Julho, então podemos ver que a Administração se preocupa hoje com a gestão, para que tudo que está programado aconteça. Acredita que independentemente, se o poder por outro lado, a população de Teutônia, ela é a mesma. Ela merece ser bem atendida até o fim desta gestão. Com certeza a outra Administração vai fazer o possível para atender a nossa população. Da mesma forma hoje, também está entrando com um Projeto denominando Rua, aqui no bairro Teutônia, do senhor Herbert Whalbrinck, que são pessoas que fizeram histórias, e muitas vezes essas pessoas para serem lembradas, denomina-se ruas. Que era a Rua 234, que se for aprovada nesta noite, passará a se chamar no Bairro Teutônia, Rua Herbert Whalbrinck. São pessoas que fizeram história e por essa Casa legislativa merecem o nosso reconhecimento. Da mesma forma gostaria de dizer que receberam através do Ministério da Agricultura uma retro. Esse empenho já saiu no final de dois mil e quinze; sempre procurou ter muita cautela, porque na verdade esta semana ainda esteve na imprensa, e enquanto não se tem certeza, não anuncia. Pode anunciar ao novo prefeito Jô, uma máquina nova, uma retro escavadeira, tracionada, que veio através do Ministério da Agricultura, para atender as necessidades da agricultura.  Então o valor da máquina é de cento e setenta e nove mil, valor pago pela máquina; enquanto que veio cento e quarenta e nove do nosso  Deputado, que hoje é Secretário da Fazenda, Giovani Feltes, ele já enviou isso para atender a patrulha agrícola e a necessidade dos produtores rurais daqui. Da mesma forma o município entrou com uma contrapartida de trinta e dois mil e setecentos e cinquenta reais. Está máquina foi comprada por pregão eletrônico, fazendo gestão, e ela está duzentos e trinta e seis, no pregão eletrônico, a Administração conseguiu comprar essa máquina, cinquenta e sete mil reais a menos do que ela estava em seu preço. Então é uma satisfação a Liane que representa os agricultores; todos acompanham os debates, e hoje a gente sabe que todos os produtores rurais se estruturaram e o preço do leite não é compatível; sabem que os produtores rurais investiram muito e se adequaram às novas exigências, a Liane vai falar isso com mais propriedade e todos sabem que vocês merecem a nossa atenção, como foi solicitada a máquina, porque foi o único setor, que em dois mil e dezesseis cresceu em nosso município. E durante as caminhadas se via que parte de nossos produtores rurais, pediam e queriam ser valorizados; a questão de acesso. E hoje, sabem que é muito recurso que vai deixar de entrar no município, com essa baixa do leite. Não sabe exatamente os números, mas esteve acompanhando uma reportagem em Estrela, estão deixando de arrecadar dois milhões por mês. Isso é dinheiro que deixa de girar para o município. E muitas vezes o produtor chega quase a estar trabalhando no vermelho. Disse que está junto nesta batalha, porque sabe o quanto essas pessoas trabalham de sol a sol. Teutônia é um município que produz para muita gente, e como representante político, merece o reconhecimento e estar do lado deles, nesta batalha. Porque afinal de contas são eles que produzem o alimento para colocar em cima da mesa de tantas e tantas pessoas. Então de sua parte fica grato, por esse espaço e agradeceu a presença de todos.

Vereador Marcelo Brentano: cumprimentou a Presidente desta Casa, colegas Vereadores, o Vice-prefeito Evandro Biondo, prefeito eleito Jonatan Brönstrup, presidente do Sindicato, Vereadores eleitos, comunidade, representantes da Juventus. Iniciou o seu discurso, cumprimentando o Vereador Pedro pela emenda para Teutônia, para a retro escavadeira, mas fez justiça e cumprimentou a senhora Olívia, ex-presidente desta Casa, que também é muito importante neste processo, quando organiza a questão dos projetos estadual e federal. E também fez muito nesses quatro anos, o seu reconhecimento à ex-presidente. Fez um convite para a etapa do Guri Bom de Bola que acontecerá amanhã em nossa cidade, por mais de dez anos já acontece este evento. Convidou os colegas Vereadores, a partir das oito e trinta da manhã, no campo do gaúcho, assim como a imprensa também, para que Teutônia se torne, mais uma vez um grande palco do esporte, e se vê isso quando se manda os recursos. E através do ASTF e da Juventus terá o seu apoio sempre, e com certeza que está sendo bem investido. Assim como em janeiro terá novamente a Copa Teutônia, a ex-copa Adidas, a décima primeira Copa de futebol. Então é essa importância do esporte. E esta Casa sempre estará trabalhando a favor do esporte, como fez nestes quatro anos. Solicitou a presidente da Casa, que encaminhasse um ofício a soberana da melhor idade, senhora Silma Lang Marques eleita ontem no baile da melhor idade. Também ao senhor Werno e Senhora Nelci Lagemann que serão os representantes do casal da terceira idade. O casal que irá representar por dois anos, gostaria que fosse encaminhado um ofício a eles que fazem parte da corte da melhor idade. Também, aproveitando solicitou que encaminhasse um ofício, cumprimentando e agradecendo a diretoria e ao presidente do Sicredi pelo belíssimo evento realizado na última semana, onde reuniu mais de mil e novecentos e trinta atletas, estiveram correndo na cidade, uma corrida noturna, do Sicredi, é a segunda edição. Então os cumprimentos porque estão fazendo saúde também, que também é saúde pública. Como representante desta Casa, solicitou então o encaminhamento. É a favor dos Projetos, e olhando o Projeto que vai cinquenta mil para o Centro Cultural Vinte e cinco de Julho; vinha caminhando e foi olhando a nossa cidade, e na semana passada visitou alguns municípios vizinhos, e mais uma vez os municípios vizinhos, Westfália, por exemplo, filho de Teutônia, há muito tempo já está decorando a sua cidade. Assim como Carlos Barbosa também, passou por ela e já está decorada. E foi encaminhado cinquenta mil reais ao centro Cultural Vinte e Cinco de Julho e dentro disso, diz que parte do Centro Administrativo será enfeitado para o natal. É com tristeza que fala nesta tribuna, quando se fala nisso, porque Teutônia já foi mais bonita, mais enfeitada neste período natalino, não podem só pensar no Centro Administrativo. Precisam pensar nos bairros; precisam pensar no mínimo, em nossos cordões; que nossos postes sejam pintados de branco, para dar uma cara natalina; alguns podem falar que vivemos em momento de crise, que estamos em um momento de dificuldade, mas o nosso orçamento tem uma previsão de noventa e um milhões para o ano que vem. Se não fizermos com que a cidade seja mais turística, ou seja atrativa, que hoje recebe muitas cidades de fora, que neste evento do Sicredi, sessenta e um municípios estiveram aqui, e quantas pessoas vem para Teutônia e assim nós temos vários pontos turísticos e é preciso cuidar de nossa cidade, é preciso embelezar a nossa cidade, e não focar somente no Centro Administrativo; este é o seu assunto na tribuna falando neste cinquenta mil, teremos apresentações natalinas, assim as esperamos porque o nosso povo merece. Mas gostaria de saber, que encaminhem imediatamente após esta aprovação, nos mande qual a programação natalina, como ela vai ser e aonde ela vai ser, disse que é a favor do Projeto, acredita que o Vinte e Cinco de Julho tem total condição de fazer esta parte, mas acredita que podermos envolver mais entidades no final do ano e não esperar, mas que não ficassem assim até o apagar das luzes para fazer o natal. Agradeceu a presença de todos, mais uma vez disse que os Projetos que incentivam o esporte e a cultura sempre terão a sua aprovação. Obrigado.


Vereador Hélio Brandão: boa noite a todos, cumprimentou a Presidente, cumprimentou a todos os Vereadores eleitos, a presença do prefeito eleito, Jonatan Bronstrup,  o Dirinho ainda é colega Vereador; cumprimentou a comunidade, o Vice-prefeito Evandro Biondo, enfim todos se sintam bem acolhidos nesta Casa. Olhando os Projetos como de praxe, tem falado nos seus pronunciamentos; os que dão entrada na noite de hoje, é favorável, mas destacou o orçamento, o Projeto de Lei que estima a receita para o ano de dois mil e dezessete, prefeito eleito Jonatan, noventa e um milhões, setecentos mil reais para o ano que vem. Acredita que chegue a noventa e cinco milhões para o município. Disse que tem uma pequena empresa há mais de quinze anos sabe o quanto custa. Coloca dinheiro no mercado, são funcionários que recebem e pagam impostos, e chega nessa época, e vem batendo; não é nem bater, é falar, é ser porta-voz da comunidade de Teutônia, os cordões de Teutônia, em especial o Bairro Canabarro, onde mora. Onde há empresários que vão fazer mutirão, para pintar no próximo mês as principais ruas, porque além de contribuir, eles não têm e já cobraram que não são representados pelo Poder Executivo, o Poder Legislativo; mas não adianta o Vereador cobrar se o prefeito não faz. Então parabenizou a comunidade; disse que foi adversário de Jonatan, mas como ele já foi Vereador e presidente desta Casa, sabe o quanto o Vereador é cobrado, e o quanto o Vereador não tem condições de fazer. E com certeza que as portas serão abertas para os Vereadores, porque não vem pedir para si; vem pedir para a comunidade. E se não lhe falha a memória, faz quatro anos que os cordões do nosso Bairro e algumas ruas que foram pavimentadas e capeadas ganharam caras novas. Mas e a rua do comércio? Os que contribuem? Os que empregam? Então é lamentável. Espera que os nossos empresários tenham um atendimento diferenciado, uma atenção especial porque a crise esta aí, e não é só na agricultura; agradeceu a presença da Liane Brackmann, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, não é só do setor da agricultura, do setor leiteiro, da agropecuária. Estão passando por uma turbulência econômica em nosso comércio e na nossa indústria, nas cidades, isso vai repercutir daqui a dois anos, três anos no orçamento do nosso município. Então temos que tratar bem o nosso comércio, a quem emprega. Vão estar aqui, os Vereadores que estão eleitos,  que se elegeram, a comunidade acreditou; disse que foi reeleito, que estarão cobrando, pedindo que o prefeito vá ao encontro dos munícipes e dos empresários, dos agricultores e das cooperativas. Então é favorável a todos os Projetos, menos um que deu entrada e ficou baixado. Já de antemão, não quer polemizar, mas já quer dar o seu parecer. O Projeto noventa e cinco que cria cargos e empregos públicos do último concurso e extinguem alguns CCs, o seu voto é contra. Por que é contra? Que não é momento de criar cargo para o próximo governo, cargos efetivos que vão ficar por vinte, trinta anos. Vamos ver se realmente são necessários, tem que criar sim. E quer parabenizar também, Jô, não é encher tripa, encher linguiça, como se diz na gíria, onde leu no jornal A Hora, que o senhor anunciava que vai reduzir o número de CCs e de Secretárias.  Já pediu há dois, que tem Secretários e CCs ociosos que estão só ocupando cabides de emprego, e quem paga esses CCs? São os contribuintes. Então parabéns pela iniciativa; sem dúvida que isso vai ser colocado em prática, e quem vai ganhar com isso, é a nossa comunidade. terão recursos para manter uma equipe embelezando os centros dos bairros. E assim, saindo para fora e pegando as outras ruas e deixando o município como deve ser. Não pode citar outros municípios, mas outros municípios estão com cara de municípios quebrados no nosso Estado, que conhece, porque viaja bastante. Então fica aqui o seu desabafo. E falando sobre empresas acredita que para o próximo mandato vai ser criada uma equipe para visitar as empresas; para ver o que o poder Público Municipal, o Executivo Municipal, o Legislativo Municipal pode fazer para dar uma qualidade de vida melhor para as empresas, seja ela do tamanho que for. Certamente se tem CNPJ, tem emprego, está empregando, está gerando renda, e cada um tem as suas dificuldades. Agradeceu a presença de cada um.


Vereador Valdir do Amaral: cumprimentou a presidente Mareli pelo trabalho que tem feito e conduzido na Casa. A única mulher no meio de tantos Vereadores homens. E sempre teve esse respeito por todos. Saudou o Vice-prefeito Evandro Biondo, sempre esteve nas sessões; sempre fez parte junto; foi Vereador desta Casa. O Prefeito eleito Jonatan, também já foram colegas aqui nesta Casa, e darão continuidade também, a partir de janeiro, tem experiência, quem passa nesta Casa, e o Vereador Ariberto já foi Vice-prefeito, quem passa por aqui, sabe das leis, e o que significa o Executivo. Estão preparados para conduzir o Município de Teutônia, junto como o povo. Ao Vereador Paniz, a Vereadora Keetlen do PSD, presidente Adelmo sejam bem vindos a esta Casa. Também são nossos colegas Vereador e Vereadora, o Vereador Juliano, a Vereadora Aline também que foi Secretária dessa gestão, a Olívia, pelos Projetos, que já mandou vir;  essa retro; Vereador Pedro com certeza, os Vereadores que vão buscar emendas em Brasília, aonde vai o seu dinheiro, Vereador Cláudio, que foi agora com o Vereador Hélio. O Deputado Federal Márcio Biolchi se comprometeu em mandar trezentos mil reais para o município de Teutônia. E ir pleitear, é o direito do Vereador, onde nós aderimos o nosso voto a esses deputados. Disse que foram à Brasília, é um direito do Vereador, com certeza. Foi um Vereador desta Casa, em dois mil e quatorze foi presidente, não é chorar, mas fica triste por perseguição, que foi feita a sua pessoa. Pessoas que sabem que perseguiu, mas não é ele quem vai julgar essas duas ou três pessoas. Não é ele quem vai julgá-las. Tem alguém que vai julgar mais tarde essas pessoas que fizeram, talvez pensando num mal, mas só a um presidente. Não sabe o motivo. O Fernando Fernandes do PSB; ao Democratas um abraço a todos que nos acompanharam, juntos nesta caminhada. Ao PRB, juntos, o povo de Teutônia; vamos fazer uma administração. Também o Anacleto que já trabalharam juntos, não é Anacleto? Já rimos muitas vezes no trabalho, onde aprendeu muito, com a sua pessoa.  Ali do A.A. o gauchinho, parabenizou, pois irão fazer a festa. Contem sempre com esse Vereador. Sempre foi parceiro, e será.  Ser amigo deles. Porque ali se constroem as pessoas que não conseguiam sair, e pessoas que hoje estão aí com tanta alegria; e com certeza, a Administração a partir de janeiro, está aqui o Prefeito eleito; disse que eles sim, serão parceiros. Sobre o Projeto noventa e três, o convênio com a Associação Teutônia Futsal, é a favor deste Projeto. Sobre o Projeto noventa e dois da Associação Esportiva Juventus, Gilmar, João, sempre foi parceiro dessa associação, há oito anos. Parabenizou o trabalho que fazem. A sua ida a Brasília, significa trezentos mil reais. Quero dizer aqui aos Vereadores eleitos e reeleitos, não importa o partido que mandem emendas, sendo que veio do PAC 2, nove milhões. Foi aprovado nesta Casa, tomara que tenham sorte, que nem teve a Administração passada. E com certeza farão projetos bons, e irão buscar emendas para o município de Teutônia. O Projeto noventa e sete, Centro Cultural Vinte e Cinco de Julho, o Vereador Marcelo Brentano já colocou aqui, nesta tribuna; é favorável.  Que onde tantos jovens estão ali, neste projeto, e nesta Casa sempre dando entrada esses bons projetos que vem ao encontro dos Vereadores. O que o deixa muito triste, e encerrando logo; convidou  todos os Vereadores, para irem ao aterro sanitário. Está muito preocupado. Porque onde se fala muito em gestão, e onde um aterro sanitário é a mesma coisa que colocar terra em um telhado, e a terra cair e ir embora. Como é que vai encerrar uma vala daquele modo que lá está. Está preocupado.  Porque a próxima Administração está aqui, o Prefeito e o Vice. Aí sim vão dizer que foi feito gestão e vai estourar onde? “Ah, foi deixado bem e vocês viram que estourou.” Problemas que ficarão desta Administração. Não acredita que até o final de trinta e um de dezembro deste ano, ficará daquele modo. Que pena para o dinheiro público novamente; vai ter que ser removido o lixo que foi recolhido das ruas do município de Teutônia, foi colocado lá, foi pago, novamente para transportar. Fica com isso. Mas enfim, se essa Administração não fizer, a próxima administração é obrigada a fazer. Não tem como deixar do jeito que está lá, este aterro sanitário. É com muita tristeza que fala. Então a gestão tem que deixar cumprida a gestão, e não deixar para os outros resolverem. E com certeza, que até trinta e um de dezembro vai ser resolvido. Então sobre uns Projetos, no apagar das luzes, mandaram. Não acredita que uma Administração que fez uma boa administração, fez gestão; vai à imprensa e no apagar das luzes, manda um Projeto dessa maneira, tirando cargos que ocupou no Executivo, tirando a secretária do Prefeito, que usou oito anos, usaram doze anos; sabe que todos os prefeitos tiveram, e agora querendo tirar do outro prefeito. Não acredita que essa administração mandou este projeto. Disse que está apavorado; que esta administração, que fala muito em gestão, e mandando um projeto desta maneira. Para chamar os concursados, não podemos dizer, será que é apadrinhagem, no apagar das luzes, que pena. Mas com certeza que esses Vereadores que estão aqui, vão votar contra este projeto; que não deixem acontecer que o Prefeito ache que está cima de tudo. Ele não está acima de tudo. Ele até trinta e um de dezembro ele é o maior gestor do município de Teutônia, o maior que manda, é o Prefeito, que manda no município de Teutônia; mas não é ele que dá essas condições para este projeto. Está apavorado; com todas as letras. Não acredita, enquanto se fala muito em gestão e mandar um Projeto desta maneira para esta Casa. Esses Vereadores que estão aqui; com certeza a votação será unânime, onze votos para derrubar esse Projeto, que vem no apagar das luzes. Aconteceu de chegar a esta Casa. Obrigado presidente, por mais este minuto.

Vereador Marcos Quadros: cumprimentou os Vereadores, comunidade em geral  que se faz presente através de suas representatividades, suplentes, Vereadores já citados, membros de meu partido, prefeito eleito Jonatan e demais lideranças, e demais representatividades. Nosso Vice-prefeito Evandro Biondo que se faz presente na nossa sessão de hoje. Eu começo o meu pronunciamento citando, o fato que aconteceu durante a semana e deixou a comunidade mundial estarrecida, onde ninguém apostava na eleição do Presidente americano Donald Trump, onde toda a comunidade do mundo ficou som surpresa na abertura das urnas. E eu trago essa versão a nós. Quem é que tem força de eleger as pessoas que comandarão a cidade, nos municípios, o Estado e a nação. A democracia manda que as pessoas que fazem parte de cada entidade, cada colocação, cada cidade, cada município, cada Estado e cada nação escolham os seus representantes. E porque vem  a surpresa da eleição de alguém de que o mundo todo torcia para que não fosse eleito? Essa surpresa vem na necessidade real de cada pessoa. E o nosso município não é diferente.  A comunidade americana torcia para que as pessoas, o desemprego está em alta lá, alguém que olhasse mais internamente e que esquecesse do mundo. E essa mesma comunidade elegeu aquela pessoa que todo mundo torcia para que não fosse eleita. Então trazendo esta realidade para o nosso município. Acredito que a tua eleição Jonatan foi a eleição que torcia por isso também.  Das necessidades do nosso município fossem colocadas e ouvidas para que as nossas pessoas tirassem proveito das nossas riquezas. O Vereador Hélio citava a questão do comércio, que há tanto tempo vem reclamando, vem sofrendo em nosso município, e muitas vezes não é nem ouvido. Por quanto tempo a Capitão Schneider, pede pelo melhoramento daquela rua. Foi feito reunião, projeto e nada além disso. Então cabe uma reflexão interna  a nós,  que somos  políticos, e buscarmos o voto das pessoas, e ouvirem os anseios das nossas pessoas. Esse é o real motivo por termos uma câmara tão renovada, olhando o perfil de cada Vereador eleito, quantas pessoas novas, jovens. Eu vinha agora pouco olhando prefeito Jovem, Vice-prefeito jovem, aqui eu olhava a história dos nossos Vereadores, muitas vezes Vereadores com mais idade, com mais experiência, e a comunidade está tentando mudar este sentimento, de que muitas vezes não se sente ouvida, na hora de colocar as suas demandas em público para que sejam atendidas. Dito isto, eu não posso deixar de citar os Projetos que dão entrada na Casa, no dia de hoje, esses dois Projetos mais polêmicos a extinção de cargos de confiança do Prefeito usou até a semana passada, a colocação de alguns servidores que estão usando CCs, que poderiam ter usados esses cargos, esses concursos que foram aprovados, durante os quatro anos. Então a gente coloca em pauta, a postura do Prefeito municipal. Tudo isso que ele falava que não faria  e agora apresenta, e para mim é uma sacanagem isso que está sendo feito, usou os cargos até semana passada, e agora extingue os cargos para tentar incomodar um Prefeito eleito escolhido pelo povo e teve a confiança de todo mundo. Então cabe a nós reflexão, Vereadores. A gente vai ter que continuar pedindo votos, a gente vai ter que continuar conquistando a cadeira que a gente ocupa. Então este tipo de coisa tem que ser abolida da política, no meu ponto de vista. Eu fui uma pessoa muito perseguida, pelo atual prefeito municipal que me processou duas vezes, estou me defendendo de um ainda, do outro eu já ganhei, a causa, e ele foi condenado a pagar as minhas despesas por conta do projeto  ser indevido, então eu desabafo isso hoje, ao longo desses quatro anos de governo, porque eu nunca tive medo, porque nunca tive o rabo preso também. E eu acredito que os Vereadores que deixam a legislatura, são de igual forma. E eu conheço todos os Vereadores que estão chegando, novos e foram eleitos, também são pessoas de postura, mas uma coisa eu digo para vocês, perseguição a pessoa eleita pelo povo, pelo que eu conheço de nosso prefeito, Jonatan Brösntrup, e pelo nosso candidato a Vice-prefeito Valdir do Amaral não vai acontecer. A gente vai precisar de todos. Temos aí o Pedro, do PMDB, tem uma grande bancada na assembleia legislativa e no congresso nacional, nós vamos precisar de ti para trazer recursos para Teutônia. Nós vamos precisar de todas as legendas, do PDT que tem uma grande bancada federal, o PP nós vamos precisar muito de vocês, nós não vamos deixar um centavo a ser perdido. Eu tenho certeza que o Prefeito pensa da mesma forma, a gente conversou muito sobre isto, o nosso povo não vai perder um centavo de recurso externo que venha para nós por conta de perseguição política.  Vereador Marcelo Brentano, a emenda que a gente conseguiu do nosso Deputado Nélson Marchesan Júnior, nosso Prefeito municipal deu ordem expressa para que não fosse nem cadastrada essa emenda, e a gente perdeu, uma possível emenda de  duzentos e cinquenta mil reais. Isso não pode acontecer. Então a política tem que separar as pessoas, e esses fatos tem que vir à público para que os nossos eleitores saibam o que está acontecendo na Câmara de Vereadores e a representação de que cada pessoa eleita tem nessa tribuna, nessa cadeira, confio muito em vocês, meus colegas Vereadores, tanto os que estão deixando as suas cadeiras e os que estão chegando também. Também quero mostrar a minha insatisfação que está acontecendo nas escolas diante da nova legislação. Muitos falavam que a gente ia derrubar a gestão democrática nas escolas, a gente aceitou isso. Só o que a gente está vendo onde há a concorrência direta entre duas chapas, é que se deixou um pouco a questão educacional de lado e se entrou em uma campanha política dentro das escolas. Eu já demonstrei a minha insatisfação com a matéria no momento da aprovação, queria que a próxima gestão decidisse isso. Mas da mesma forma que está acontecendo com este Projeto, aconteceu naquele momento. Usou a estrutura administrativa do município por oito anos desta forma e se entregou para outra gestão, outro modelo. Novamente a covardia de se fazer as coisas tentando prejudicar uma nova administração. Muito obrigado pelo espaço, senhora presidente. Agradeceu pela atenção de todos e fiquem com Deus. E até outra oportunidade.

Vereador Gilberto Frigo: cumprimentou os colegas Vereadores. E em nome do esporte, o João, o Gilmar, saudou todos os presentes que foram saudados no protocolo. Da mesma forma, gostaria que mandasse um ofício ao Sicredi, como falou o colega Marcelo Brentano pelo excelente evento Sicredi Touch Night Run que reuniu mais de três mil participantes, mil novecentos e poucos atletas e demais pessoas que participaram também. Um grande evento social, que além do esporte, que é muito forte no município de Teutônia; também mais esse evento que nos proporciona, além de amizade, de muitas pessoas de outros municípios participando, também a parte da saúde que é feita em nosso município. Da mesma forma disse que é sou favorável aos Projetos que entraram nessa Casa; também disse que este Vereador até o final deste mandato, está à disposição para ser parceiro do nosso sindicato, com esta luta que a Liane tem, junto com os associados, devido ao grande problema que estão enfrentando a respeito da questão do leite. Acredita que se tiver ao alcance dos colegas Vereadores, devem se unir e se for preciso, irem ao Estado junto, com os nossos Deputados para manifestação. Também junto aos nossos Deputados Federais deveremos sim, fazer a nossa parte. Além de já ter sido levantado pelo colega Pedro, acredita que no município, todos os setores cresceram da mesma forma, mas a agricultura vem crescendo há mais tempo, com certeza, a agricultura nos mantém vivo muitas vezes, na esperança do município continuar crescendo, como está crescendo até agora. Então disse que se coloca junto à Liane, é parceiro, acredita que devemos lutar por todos os setores, e mais uma vez este setor agrícola que está passando uma dificuldade muito grande. Onde muitos jovens investiram na propriedade. Muitos jovens fizeram dívidas, e hoje estão tendo prejuízos no setor do leite. E a gente sabe de pessoas que investiram muito alto. E por fim para ser breve também, deixou um recado aos novos Vereadores, e também aos colegas que ainda vão ficar no ano que vem; que a democracia é muito bonita. É que nem o esporte, que nós devemos saber perder e saber ganhar. E a democracia, acredita que uma eleição; é no momento que tem a eleição que a população vai votar, ela escolhe a sua opção, ela escolhe o seu lado e isso nós temos que respeitar. Escolheu e apoiou o lado que esteve bastante tempo junto. E se fosse hoje também continuaria assim. Se fosse para perder de goleada, como é no futebol, também estaria junto. Quando se abraça uma causa, se vai até o final com essa causa. Não se pula do cavalo, mesmo que ele esteja manco ou está com problema; deve ir até o final. Aprendeu que tem que ter ética e dignidade. E com essa palavra, apenas disse para todos que a eleição terminou, e o vencedor está aqui, Jonatan Brönstrup, e este que vos fala como oposição a sua candidatura, em nenhum momento vai criticar ou tentar atrapalhar a sua caminhada. Acredita que isso se deve ter em mente, somos todos teutonienses e queremos o melhor para Teutônia. Por isso que a democracia é bonita. E com certeza, quando vocês quiserem uma opinião para ajudar o município, disse que estará à disposição. Acredita que mágoas e desavenças, não crescem, não levam a nada. Acredita que sim, a eleição terminando, devem todos se unir, juntos, para o melhor do município. Quatro anos são breves. Quatro anos passam rápido. Então da sua parte, como presidente do PP, com muito orgulho, porque os seus candidatos, os seus colegas Vereadores que colocaram o nome à disposição fizeram bonito. Aqui está, também, o seu suplente de Vereador, Emilson; a Aline, e demais Vereadores que representaram os seus partidos. Foram e trabalharam com dignidade. Isso é o mais importante. A democracia é isto, tivemos uma derrota. Muitos tiveram êxito, que nem a Aline, o Claudinho e os três suplentes a Vereadores que estão aqui hoje. Então simplesmente este detalhe. Vamos esquecer o que passou, vamos trabalhar em conjunto. Independente de sermos, dez, quinze, vinte partidos políticos. No momento somos Teutônia.  Vamos passar por dificuldades, estes quatro anos não serão mil maravilhas. Tem problemas no Estado, tem problemas a nível federal também. Com certeza muitas responsabilidades vão cair em cima do município. Muitos desafios terão pela frente, mas pode ter certeza vai torcer para a administração ir super bem, vai estar torcendo para o Jonathan, e vai estar torcendo para o Valdir. E as demais pessoas que farão parte do governo, e também colegas Vereadores que ano que vem estarão juntos. Pediu mais uma vez, para trabalhar pelo município de Teutônia, vamos esquecer mágoas ou desavenças políticas, vamos trabalhar pelo município e pela nossa gente. Pelo nosso município sim. É um município de exemplo sim,  Muito obrigado.


Vereadora Mareli Lerner Vogel:
boa noite a todos. Colegas vereadores uma saudação, imprensa e a toda comunidade que prestigia sempre e ficamos muito felizes com a presença de todos nesta casa, e em especial também registrar como já foi citada a presença do Vice- prefeito Biondo sempre bem vindo e demais candidatos a vereadores; é importante, muito importante a presença de vocês nos últimos trabalhos desta casa; ao Jonathan Prefeito eleito, também seja bem-vindo e é importante também você acompanhar os trabalhos neste momento agora de transição de governo, a amiga e batalhadora Liane sabemos da sua luta, sempre esta casa esteve aberta e agradecemos pelo reconhecimento de estar aqui e de pedir este espaço e com certeza deixaremos para que você faça uso, mas já de antemão confirmamos o nosso apoio para o que precisa ser feito de melhoramento na agricultura, no setor leiteiro para melhora deste setor de economia, e também as nossas entidades, a Juventus, também o AA pelo trabalho que vocês fazem dedicado ao caso social, muito relevante, muito importante que tem força sempre desta causa de atuar diretamente. Em especial saudou os representantes do seu partido e assim registrou a presença de todos os outros partidos, mas em nome da Olivia, Aline, Duda e do Tafú também  falou da importância de vocês estarem aqui como apoio aos representantes deste partido. Seguindo, esta semana nesta casa nós tivemos mais uma etapa de um trabalho que estamos fazendo, um resgate histórico da história do Poder Legislativo, da trajetória. Saudou a Cintia que também por um período foi funcionária desta casa, quando este projeto iniciou, resgatando junto ao Selby Wallauer que foi então o primeiro presidente a presidir a sessão de instalação do município. Em seguida, aconteceu a posse da primeira Mesa Diretora e eleito o Egon Hoerlle presidente; com a ajuda do Vini, foi feito esta semana em vídeo, o depoimento, o relato deles contando a história, uma parte do primeiro discurso para que isto fique registrado em áudio; fique nos patrimônios da Casa como uma história cultural para que se possa dar seguimento e resgatar outras histórias que aconteceram em todo este transcurso do Legislativo, buscando empoderar, resgatar este poder. A Olívia que foi a primeira presidente mulher fazendo história, então isto precisa estar vivo, para que alunos das escolas, que é um projeto que a Câmara tem com as oficinas de cidadania que o Vereador Marcelo atendeu os alunos agora nos últimos dias, simulando uma sessão, e podendo também passar para estes alunos, esta história de como se iniciou, e o Poder Legislativo tem a sua importância porque a Constituição Federal diz que o poder emana do povo,  para o povo, por isso que é o Poder Legislativo que primeiro dá posse aos legisladores aos novos, e os novos tomados posse que darão posse ao Executivo, porque é esta Casa que representa o povo, é assim que diz a Constituição, e por transcorrer de anos, acredita que se perdeu um pouco o papel do legislativo. Talvez a valorização por culpa dos legisladores, por talvez, afastamento da sociedade em não participar e agora é preciso fazer este resgate, então registrar também que se fez a Frente Parlamentar do Cooperativismo que já foi citada por muitas vezes; esta semana também se reuniram com um enfoco diferente, de convidar os vereadores eleitos e tiveram a presença da Aline, do Juliano e do Paniz para que acompanhasse o depoimento das Cooperativas, das Cooperativas Escolares, dos alunos jovens que hoje são presidentes das cooperativas escolares; de como eles vêem a Frente Parlamentar, como eles vêem o cooperativismo para que se possa dar continuidade a este trabalho, não é obrigação, mas é uma adesão espontânea; é uma forma desta Casa iniciar um processo de transição legislativa, é o nosso objetivo e também nunca feito antes para que não saia desta Casa; simplesmente quatro Vereadores não concorreram e alguns não se reelegeram, sairão no dia trinta e um e não voltarão, querem construir e estão programando para o início de dezembro um evento de transição onde serão convidados os vereadores eleitos e suplentes; com um trabalho de orientação, trazendo palestrante, trazendo pessoas técnicas para fazer, serão apresentadas as ações que esta casa fez, desenvolveu durante este período legislativo, e é cada vez mais necessário neste tempo que estamos, neste momento político de abrir ao diálogo, de abrir este espaço de audiências públicas, de ocupar os espaços das nossas comissões. Comentou que esteve  numa capacitação ontem e hoje estava em Porto Alegre, onde se reforçava e se exige isso, a Câmara de Vereadores precisa se reunir nas suas comissões; é preciso abrir estas comissões para a comunidade debater os projetos, e também um projeto que já conversava o Vereador Marcelo que é a lei das parcerias que é o repasse para entidades que vai mudar, de entidades  como a Juventus a ASTF e tantas outras entidades; hoje recebem recursos municipais e que terão que enfrentar mudanças, alterações, e esta Casa, os Vereadores precisam se ater a isso, precisam discutir isto com a comunidade. Então estamos organizando e disse que é necessário porque escutou uma frase neste evento que dizia assim: Cada município tem uma câmara municipal, porém nem todos os municípios têm um poder Legislativo. E se não existe um poder legislativo é talvez porque esta casa não ocupou de fato o seu papel; hoje não podemos mais só discutir aqui dentro, devemos abrir para a comunidade e por isso que projetos ficam baixados; por isso que projetos são rejeitados, porque se está vivendo um novo tempo, um tempo de diálogo, um tempo em que é preciso sair além destes microfones para ouvir e para discutir. Agradeceu este espaço e uma boa noite a todos.